Mariana Gamboa inicia carreira solo com videoclipe de “Tão Só” em parceria com Carlos Alfano e Leo Mancini

Lançamento do videoclipe acontece dia 26 de abril em seu canal do YouTube

Rumar novos caminhos em carreira solo sempre é uma escolha difícil. No entanto, Mariana Gamboa, além de experiente, também está cercada de parcerias de renomes que provam que carreira solo está longe de ser uma carreira solitária em busca de reconhecimento musical.

Cantora profissional desde os 16 anos, Mariana descobriu o amor pela música muito antes: aos 5. ainda criança aprendeu a tocar órgão com sua irmã e participou de corais de sua escola e da prefeitura municipal do Guarujá. Sua avó era cantora de Ópera. Mariana – sem dúvida – vivia em uma casa musical.

Depois de voltar para sua cidade natal, São Paulo, e passar 16 anos cantando na disputada noite paulistana com a banda Bubbles, e com sua banda de rock formada só por mulheres, a Hey, Ladies!, Mariana Gamboa resolveu reunir todas as suas principais influências musicais em um projeto autoral.

O start com o trabalho vem através da música “Tão Só” – uma parceria com o músico Carlos Alfano na letra e melodia e com a assinatura de Leo Mancini na produção musical que será lançada em videoclipe através do seu canal no Youtube (https://bit.ly/2PvRVm1) no dia 26 de abril.

Como uma pegada country e pop, o Single “Tão Só” fala a respeito de várias situações pelas quais – em algum momento já passamos na vida – se sentir só mesmo quando se está acompanhado, ou querer está com alguém que já deixamos partir. “Não sei bem por que as coisas mudam de lugar / De repente nossas vidas não estão no mesmo andar / Sentindo falta, sentindo medo / Procuro um jeito, de não me sentir…/” é um trecho da música que trata principalmente da forma como lidamos com a solidão e as mudanças.

Rótulos e definições musicais não são a sua preocupação
“Por que se limitar a apenas um estilo musical quando se pode usar elementos de vários e fazer algo sem rótulos? Sou fã de pop, rock, country e southern rock e tenho Steven Tyler, Pink, Freddie Mercury, Kid Rock, Shania Twain, Carrie Underwood e Rita Lee como minhas principais influências. Por isso, me lançar em uma carreira solo era essencial para que eu finalmente pudesse pisar em novos terrenos e explorar ideias que antes só ficavam na minha imaginação”, explica Mariana e complementa, “Sou alucinada pela Ivete Sangalo, ela representa tudo o que admiro em um artista e de quebra tem um timbre grave dos deuses”.

Spotify: https://open.spotify.com/album/6VfXmtqKTZTjCO4ubS6p5p
Deezer: https://www.deezer.com/br/track/667418242
Youtube: https://www.youtube.com/watch?v=DemzTgwqfZo&feature=youtu.be

Redes Sociais
facebook.com/marianagamboaoficial
instagram: @marianagamboaoficial

Ficha Técnica | Música:
Voz: Mariana Gamboa
Letra e melodia: Mariana Gamboa e Carlos Alfano
Produção musical: Leo Mancini
Direção e Produção de vídeo: Leandro Blotta Lucas Satti @aninhavilches @ichbineinepolly
Violão, bandolim, backing vocal: Leo Mancini
Bateria: Paulo Jiraya
Baixo: Fabio Duarte
Piano: Nei Medeiros

Ficha Técnica | Videoclipe:
Direção: Lucas Satti
Direção de Fotografia: Lucas Satti
Câmera: Leandro Blotta
Assistênte de Câmera: Pollyana Oliveira
Produção: Ana Maria Vilches
Colorista: Guilherme
Makeup e Cabelo: Silvia Zardo
Stylling: Mariana Schittini

Foto: Edu Lawless Photography’n’Art
Edição de Imagem: Marcelo Calenda

Anúncios

International Workplace Group inaugura o primeiro coworking feminino do Brasil

Em parceria com Fabiana Scaranzi, escritório compartilhado fomenta empreendedorismo e networking entre as mulheres

Líder no mercado brasileiro de escritórios flexíveis, o International Workplace Group
(IWG), dono das marcas Regus e Spaces, inaugura, nesta quinta-feira (28), o primeiro
coworking brasileiro criado especialmente para mulheres. Em parceria com a
jornalista, empreendedora e especialista em comportamento feminino, Fabiana
Scaranzi, o espaço fomentará empreendedorismo e networking entre elas.

O ambiente exclusivo, que terá o nome de Spaces by Fabiana Scaranzi, funcionará na
unidade do Spaces Berrini, em São Paulo – Rua Irmã Gabriela, 51. Além das instalações
com tecnologia de última geração, a programação do espaço contará com painéis,
palestras e eventos. Empresas, empresárias, startups e o público feminino poderão se
conectar, trocar experiências e conhecimentos, e desenvolver negócios de maneira
dinâmica e inovadora.

“Várias questões reforçam o quanto é produtivo ter um ambiente de trabalho próprio
para as mulheres. Por isso, estamos inaugurando um espaço exclusivo para elas”, diz
Tiago Alves, CEO do IWG no Brasil. Mais de 80% do quadro de funcionários do IWG no
país é composto por mulheres e mais da metade da cartela dos 28 mil clientes no
Brasil é formada pelo público feminino.

Empresas que têm interesse em se conectar com esse público também terão a
oportunidade de utilizar o espaço para posicionar suas marcas, se comunicar e
desenvolver projetos em parceria com as empreendedoras que trabalham no local. O
Spaces by Fabiana Scaranzi também contará com serviços adicionais de concierge que
facilitam muito a vida das mulheres no dia a dia, como manicure, maquiagem,
massagem e cabeleireiro.

“Mas o nosso ponto principal é criar um ambiente de trabalho em que a mulher se
sinta à vontade para atuar de forma espontânea e genuína. Quero muito que essas
mulheres se sintam confiantes, informadas, acolhidas e seguras para criar, conectar e
gerar oportunidades", diz Fabiana Scaranzi.

“Nós vamos oferecer conteúdos customizados e o que há de mais novo em termos de
ferramentas e instalações físicas para que as mulheres consigam empreender de forma
ágil e atinjam resultados cada vez melhores em seus negócios”, completa Tiago Alves,
que pretende replicar o projeto em outras unidades do grupo no Brasil.

MASSA DE PIZZA VEGANA E SEM GLÚTEN – Chef Gabi Mahamud

A chef Gabi Mahamud é um dos grandes nomes nacionais quando o assunto é alimentação alternativa. Autora do livro Flor de Sal, a profissional assumiu o amor pelas panelas após lutar contra a depressão e perceber que deveria trabalhar com algo em que realmente acreditasse, que contribuísse para melhorar o mundo. No final de 2016, a chef ganhou destaque em todo Brasil ao fundar o GoodTruck, projeto que leva comida de qualidade a quem não tem o que comer, recolhendo e preparando alimentos que iriam para o lixo em restaurantes e supermercados. Gabi, que atualmente atua como professora do Centro Europeu, uma das principais escolas de gastronomia do mundo, foca o seu trabalho em ensinar a reduzir o desperdício de alimentos por meio de mudanças de hábitos e da conscientização dos consumidores.

Ingredientes
· 3/4 xícara de farinha de farinha de arroz
· 1/2 xícara de farinha de grão de bico
· 1/3 xícara de farinha de linhaça
· 1/2 xícara de fécula de batata
· 1 colher de sopa de açúcar mascavo
· 1 colher de sopa de fermento biológico seco
· 3/4 xícara de água morna
· 1 colher de sopa de azeite
· Sal a gosto

​Modo de preparo: ​
Em um recipiente, misture todas as farinhas, o fermento e o açúcar. Misture bem. Adicione a água e até que a massa fique homogênea. Se precisar, coloque um pouco mais de água. A massa precisa ficar um pouco grudenta. Acrescente o azeite e o sal e incorpore. Tampe a massa com um pano de prato e deixe descansar até crescer e ficar com o dobro do volume. Vai levar entre 15 e 20 minutos. Modele a pizza em uma forma untada com óleo (aconselho untar a mão com óleo também) e asse em forno pré-aquecido a 180° por aproximadamente 15 minutos. Retire do forno, coloque sua cobertura preferida e volte ao forno por mais uns 10 minutos.

​Sugestões de coberturas:
· Cogumelos salteados no azeite, shoyu e salsinha
· Tomates confitados
· Sementinhas e manjericão salpicados por cima

O que os animais podem nos ensinar?

Novo livro do autor best seller Eckhart Tolle apresenta o mindfulness de forma leve e divertida

Eckhart Tolle, autor do best seller O Poder do Agora, e Patrick McDonnell, criador da aclamada história em quadrinhos MUTTS, se uniram para o lançamento de Os Guardiões do Ser, obra que apresenta as várias lições que nossos amigos de quatro patas nos ensinam diariamente, com uma linguagem delicada e profunda.

Eckhart Tolle já ajudou inúmeras pessoas em todo o mundo a encontrar paz interior e mais satisfação na vida. Nesse lançamento da Editora Alaúde, Tolle aborda o mindfulness de forma lúdica, pois incentiva o leitor a observar cães, gatos e a natureza para aprender jeitos de se conectar consigo mesmo e com os outros.
Em uma história reconfortante e reflexiva, a dupla de autor e cartunista provoca sorrisos e desperta contemplações sobre a vida e as relações que ela constrói. Mais do que uma coleção de desenhos espirituosos e encantadores, o livro transmite um profundo amor à natureza, aos animais e aos seres humanos. Os Guardiões do Ser celebra a unicidade de todas as formas de vida e ensina, a qualquer um que esteja disposto a aprender, a aplicação de mindfulness na rotina.

FICHA TÉCNICA
Título: Os Guardiões do Ser
Subtítulo: As lições espirituais ensinadas por nossos cães e gatos
Autor: Eckhart Tolle
Ilustrador: Patrick McDonnell
Formato: 18 x 22cm
Nº de Páginas: 128
Acabamento: brochura, orelhas, miolo PB
ISBN: 978-85-7881-583-7
Preço: R$ 39,90

​Frank Ejara lança o CD “AVC – Amor Vida e Caos” em show gratuito em SP

Show de lançamento acontece dia 18 de abril na Galeria Olido e contará com várias participações especiais

Abril 2019 – Acontece dia 18 de abril (quinta-feira), às 20h, na Sala Olido, do Centro Cultural Olido, localizada à avenida São João, 473, região central de São Paulo, o lançamento do álbum “AVC – Amor Vida e Caos”. Trata-se de um projeto do dançarino, DJ e produtor Frank Ejara, que também é fundador do primeiro grupo profissional de danças urbanas do país, denominado “Discípulos do Ritmo”.

O show conta com Frank Ejara no vocal, com Dilan como MC de apoio e com o DJ Basin. Além disso os dançarinos Elieseu Correia, Evandro Hegel, Bia Patrocínio e Valentina “Kuruf” darão vida ao set list, que será composto por canções do novo projeto. A noite ainda contará com as participações especiais de Kamau, Pepeu,Carol Nazaret, Guiko Baptista, Bboy Andrezinho, DJ NGS e DJ Rafa Jazz (Beat Brasilis).

Serviço
Show: Frank Ejara – show amor vida e caos
Data e Horário – 18.04.19 (quinta-feira), às 20h.
Local – Sala Olido – Centro Cultural Olido – Av. São João, 473, Centro, São Paulo/SP
Informações – (11) 28997370
* EVENTO GRATUITO – Retirar ingresso no local no dia do evento a partir das 18h.

Páscoa Pet. Chocolates sem lactose são menos perigosos?

Apesar da maioria dos pets (cães mais do que gatos) serem intolerantes à lactose, não é este o componente tóxico e perigoso presente no chocolate. Pode-se sim agravar a diarreia (exemplo), mas o que gera risco de vida para o pet é a Teobromina, presente em chocolates de origem de cacau.

Abril 2019 – A Páscoa está chegando e com ela mil dúvidas sobre os efeitos nocivos dos chocolates em pets. No entanto, quais as alternativas temos? Que tipos de chocolates são liberados para nossos bichinhos? A Médica Veterinária, Carla Maion, Supervisora Pet Nutri da Health for Pet nos esclarece algumas dúvidas:

– Quais os perigos que os chocolates oferecem aos cãe e gatos?
O perigo dos chocolates de origem de cacau para o pet é a presença da substância Teobromina, substância está de potencial tóxico para cães e gatos podendo causar alterações como:
1) Distúrbios gastrointestinais (vômito/diarréia)
2) Hiperatividade
3) Arritmia, taquicardia e dificuldade respiratória
4) Convulsões e coma
Em alguns casos, dependendo da quantidade ingerida de Teobromina e do estado geral do pet e seu polimorfismo, bem como a demora em resolver a intoxicação, pode deixar o pet em estado de emergência, e consequentemente podendo vir a óbito.

– Existe uma quantidade mínima que pode ser oferecida ao pet?
Apesar do polimorfismo do pet e da variedade do chocolate (quanto mais amargo / quanto maior a concentração de cacau = mais tóxico), a quantidade estimada de toxicidade do chocolate é calculada pela quantidade de Teobromina (componente tóxico). A dose considerada tóxica deste componente para cães é de 90 – 115 mg/Kg e para gatos é acima de 60 mg/kg. Apesar disso, não há uma quantidade permitida de chocolate de origem de cacau a ser ingerido em nenhuma destas espécies.

– Em caso de ingestão o que devo fazer?
Em caso de ingestão o mais aconselhado é levar o pet o mais rápido possível para o veterinário, onde será possível avaliar o grau de intoxicação bem como realizar medidas realmente eficazes para a resolução da intoxicação.

– Os chamados chocolates pets são realmente recomendados? O que devo saber sobre eles?
Sim. Eles são fabricados a partir da Alfarroba, componente cujo gosto e aparência se assemelha ao chocolate de cacau, porém não possui a Teobromina, substância naturalmente encontrada no cacau que possui potencial tóxico para cães e gatos. Sobre a Alfarroba é interessante saber que possui baixo índice glicêmico, menos gordura (0,7% enquanto o cacau possui 23%), é natural (é uma vagem), não possui componentes estimulantes como a cafeína (também tóxica para pets) e Teobromina. Por não conter açúcar, não apresenta problemas à saúde do pet.

– Qual a composição segura de um chocolate pet?
A composição segura de um chocolate pet (fabricado adequadamente) é a Alfarroba. Muitos produtos levam aromatizantes e corantes iguais ao chocolate, o que faz os tutores acreditarem que seu pet está comendo algo bem parecido do que ele consome.

– Para quem busca uma alternativa saudável, segura e saborosa, quais alternativas tem?
As alternativas mais saudáveis são sempre relacionadas a alimentos que não tenham como aditivos os corantes artificiais e sim, aditivos naturais com ativos funcionais. Ex. prebiótico, probiótico, ômega 3 presente nas algas, vitaminas e antioxidantes.
Oferecer um petisco com cara de chocolate, mas com princípios bons e apenas aroma dele, seria o mais interessante.

Como identificar um Ovo de Páscoa sem lactose?

No Brasil, o chocolate é um dos símbolos da Páscoa, muito embora a gente saiba que a celebração é muito mais do que o consumo de chocolate, já que estamos falando da data em que se comemora a ressurreição de Cristo em algumas religiões.

No entanto, culturalmente falando, crescemos com a presença do coelhinho da Páscoa trazendo ovos de chocolate. Em algumas famílias há – inclusive – a tradição de se esconder os ovos, e com isso a família se reúne para alimentar a fantasia das crianças e confraternizar em torno da data. De fato, é uma experiência que cria memórias afetivas para uma vida toda.
No entanto, algumas crianças e adultos não podem comer o famoso ovo de chocolate feito com leite, devido a intolerância a lactose. Como elas fazem? Ficam com vontade? Ficam triste por não participar de toda a brincadeira junto com outras crianças? Há anos atrás, as pessoas que sofriam de intolerância a lactose tinham 2 opções: não comer o ovo ou comer e passar mal.
Hoje, felizmente, este quadro mudou para melhor. A indústria alimentícia tem fabricado muitos tipos de chocolates sem lactose.

O que é intolerância a lactose?
A intolerância à lactose é a dificuldade ou mesmo a incapacidade em digerir o açúcar presente no leite, nos alimentos derivados do leite, como: iogurte, queijo e manteiga. Isso ocorre quando o organismo não produz a enzima lactase que é responsável pela digestão da lactose. “Quando a lactose não é quebrada devidamente no estômago, ela vai para o intestino e lá é fermentada pelas bactérias, o que gera sintomas indesejados, tais como: como dor e distensão abdominal, flatulência, diarreia, náusea, vômitos ou constipação”, explica a Doutora em Nutrição Aplicada Humana e Professora da Universidade Candido Mendes, Eliana Louzada.

Como ler um rótulo de chocolate de forma correta?
De acordo com a ANVISA, em 2019 todos fabricantes de alimentos à base de leite serão obrigados a ter no rótulo as seguintes informações:
– Abaixo de 100mg por 100g de produto = zero lactose, isento de lactose
– De 100mg até 1g por 100g de produto = baixo teor de lactose
– Igual ou acima de 100mg por 100g do produto = contém lactose
Agora ficou mais fácil entender os rótulos e comemorar a páscoa sem consequências indesejáveis.

Sobre Eliana Louzada
Eliana Louzada é professora de diversos cursos de pós-graduação da Universidade Candido Mendes. Doutora em Nutrição Aplicada Humana pela Universidade de São Paulo, Mestre em Educação Física pela Universidade São Judas Tadeu, pós-graduada em Fisiologia do Exercício, pós-graduada em Nutrição Desportiva, pós-graduada em Atividade Física Personalizada, Licenciada para atuação como Coach.